Até agora, pouca cobertura e pre?os elevados limitavam a compra de aparelhos com essa configuração pelo mercado corporativo

Atualmente, a adoção de notebooks com conexão wireless 3G embarcada tem sido difícil para o mercado corporativo, por conta de custos elevados e segurança. Mas novos planos de preços e a evolução da tecnologia forçará mudanças. A conclusão é de análise do Gartner.

Até agora, o Gartner não recomendava às companhias a adoção de notebooks com 3G embarcada, exceto em casos de claro retorno sobre investimento, devido à baixa cobertura global de redes de terceira geração, preços elevados e proteção, explica Ken Dulaney, vice-preside e analista distinto da empresa. No entanto, novas tecnolgias e custos previstos para o fim de 2008 têm o potencial de eliminar os problemas da compra de laptops com 3G.

O Gartner recomenda que as empresas passem a considerar a aquisição de notebooks com 3G embarcada a partir de 2009 para funcionários que viajam moderada ou intensivamente. Alguns fatores já estão fazendo com que este tipo de conexão torne-se melhor sob uma perspectiva de custos em comparação a alternativas anteriores, como o uso de “hot spot” Wi-Fi ou a internet do hotel, avalia Leslie Fiering, vice-presidente de pesquisas da empresa.

 

Fonte: RessellerWeb